Prefeitura de Varginha

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte

Escritor vence concurso de poesias com tema natalino em Divinópolis

E-mail Imprimir PDF

brasao pmv

O escritor e jornalista Expedito Gonçalves Dias ficou em 1º lugar no Concurso de Poesias do Espaço Cultural “Patrícia Freitas Laudares” e Arte Culinária Mini Chefs localizado na cidade de Divinópolis, na região Oeste de Minas.

 

A poesia vencedora é intitulada “Natal é Presença!” e foi escrita especialmente para o concurso que teve a premiação no último dia 26 de novembro. O evento contou ainda com um recital do flautista Humberto Belo Gontijo, da cidade de Formiga, que ficou classificado em 3º lugar do concurso, além da presença de autoridades locais, incluindo o presidente da OAB e representantes da Academia Divinopolitana de Letras.

 

Foi uma honra poder participar desta iniciativa, ainda mais com um tema tão interessante. Agradeço à Patrícia Laudares pelo convite e por poder levar o nome de Varginha para outras cidades de Minas”, destaca Expedito Gonçalves Dias.

 

Nascido em Visconde do Rio Branco, na Zona da Mata mineira, Expedito se radicou em Varginha onde exerceu as atividades de pedagogo na rede pública. Atualmente, é radialista, blogueiro e membro da Apesul – Associação de Poetas e Escritores do Sul de Minas. É autor do livro “Versos Inquietos / Na Aba da Lua” (2015) e “Serenas Provocações” (2019). Administra ainda a web rádio Vitrola do ET.

 

Leia a poesia vencedora:

 

Natal é Presença!

 

Olho de novo lá fora e não vejo nenhuma neve,

como nos comerciais de natal que nos encanta.

A paisagem é de interior de Minas, tão singela.

O calor é tanto e então cai uma chuva bem leve.

Como criança pobre nada mais no mundo me espanta,

Mas fico ali, aguardando o Papai Noel na janela...

 

Olho para um céu salpicado de estrelas luzentes,

deve ser o mesmo céu para os ricos e os pobres,

pelos quatro cantos desse imenso mundo de Deus.

Nessa noite tão igual todos deveriam estar contentes,

a benção é a mesma pro filho do favelado e do nobre,

para os que creem, têm fé... e também para os ateus!

 

Então eu torço, que esta seja a mensagem do Natal:

Se eu não for presenteado que eu me faça presente;

Se eu for agraciado que eu me torne uma fonte

da imagem viva do Filho de Deus, puro manancial!

Que eu seja pleno de paz e harmonia efervescente

trazendo, para todos, os mais belos horizontes! 

 

b6b084d2-a911-4755-bc0f-bb860a5cd5c3

A organizadora Patrícia Laudares e o escritor Expedito Gonçalves Dias (à esquerda) junto com os demais ganhadores.